Tools

Siemens PortugalSiemens Portugal

Site ExplorerSite Explorer
Close site explorer

Siemens e RNAE assinam protocolo de colaboração na área da Sustentabilidade

“Soluções Integradas para Cidades Sustentáveis”:

quinta-feira, 19 de Maio de 2011

A Siemens Portugal e a RNAE – Rede Nacional de Agências de Energia assinaram
hoje um protocolo de colaboração com o objectivo de promover, desenvolver,
implementar e sensibilizar as comunidades para a importância de assegurar a
sustentabilidade nas cidades portuguesas.

O acordo foi formalizado no evento “Soluções Integradas para Cidades
Sustentáveis”, organizado em parceria por estas duas entidades, durante o qual
as tecnologias e os projectos que permitem promover a eficiência energética, as
energias renováveis e a mobilidade sustentável em ambiente urbano estiveram
em destaque.

Durante a sessão, a Siemens Portugal apresentou projectos de referência
implementados pela empresa em diversas cidades, enquanto a RNAE partilhou
alguns planos já concluídos ou em fase de conclusão nos quais estão envolvidas
várias Agências de Energia pertencentes a esta rede.

As Agências Regionais e Municipais de Energia e Ambiente actuam enquanto
agentes dinamizadores da alteração dos comportamentos e padrões de
consumo da energia em Portugal, apoiando a concretização de estratégias e
políticas comunitárias, nacionais e municipais relativas à eficiência energética, às
energias renováveis e às respectivas contribuições para a inovação tecnológica,
o combate às alterações climáticas e a promoção do desenvolvimento
sustentável.

A Siemens, especialista em soluções para cidades sustentáveis, está presente em
todo o território nacional, disponibilizando soluções tecnologicamente
avançadas nas áreas da eficiência energética em edifícios, na mobilidade
eléctrica e transportes, na produção de energias renováveis, na iluminação
pública, na gestão da água e nas SGA (Smart Grids Aplications).

Maximizar a Eficiência – Tecnologia para os edifícios das cidades sustentáveis

Segundo Luís Caturna, responsável pela área das Building Technologies da
Siemens Portugal, 40% da energia mundial é consumida pelos edifícios e 40% do
custo do ciclo de vida de um edifício é consumido em energia, sendo estas
estruturas responsáveis por 21% das emissões mundiais dos gases de efeito de
estufa.

Com o objectivo de assegurar uma gestão mais eficiente e rentável dos edifícios,
nomeadamente ao nível energético, a Siemens desenvolveu um portfólio de
soluções na área das tecnologias energéticas e ambientais que consistem, por
exemplo, em contadores inteligentes, sensores, termóstatos ou actuadores de
registo.

Estes sistemas de monitorização e controlo de energia permitem gerir o
consumo, o armazenamento e produção de energia da forma mais eficiente,
mantendo o conforto e reduzindo o impacto ambiental.

Algumas destas soluções integradas já foram utilizadas em nove edifícios da
Universidade de Artes em Berlim, a maior escola de Arte da Europa. Com a
implementação de algumas da soluções Siemens, nomeadamente ao nível dos
sistemas de automação, iluminação; gestão de energia; monitorização; controlo;
optimização, contínua e manutenção, esta instituição poderá poupar 238.465
€/ano (27%) e reduzir 1.200 t/a de CO2.

Mobilidade nas Cidades

Na área da mobilidade, a Siemens tem vindo a desenvolver um portefóllio de
soluções vocacionadas para a gestão global de tráfego, gestão centralizada e
optimização de tráfego e integração de sistemas.

Em Berlim a empresa foi desafiada a substituir o Centro de Gestão e Controlo de
Tráfego, com 20 anos de funcionamento, e a desenvolver um processo de
integração com o serviço de informação de trânsito estatal.

Após a implementação das soluções Siemens para a área da mobilidade, o
Centro de Gestão e Controlo de Tráfego de Berlim tornou-se no mais moderno
da Europa, com capacidade de gestão real-time e análise de dados actuais e de
arquivo.

Na cidade de Budapeste a empresa renovou e instalou equipamentos
semafóricos de forma significativa. Ao todo foram substituídos 33.000
semáforos e instalados 300 controladores, uma operação que permitiu a
modernização de infra-estruturas de sinalização obsoletas, a diminuição dos
custos operacionais e do consumo energético associado à infra-estrutura de
tráfego.

Soluções Siemens Water Technologies para uma cidade sustentável Reutilização de água residual

Ao nível das soluções, sistemas e serviços de tratamento de água potável e
residual para a indústria, municípios e clientes institucionais por todo o mundo,
a Water Technologies desenvolvida pela Siemens, é líder de mercado.

Implementadas a nível mundial, estas soluções estão já a ser utilizadas em
Portugal na ETAR – Estação de Tratamento de Águas Residuais de Chaves. Com o
desafio de garantir a automação total desta estação, e introduzir soluções de
tratamento inovador, de modo a permitir redução dos custos de operação, a
Siemens assegurou a possibilidade de uma operação automática e à distância e
sem tempos de paragem.

Já na ETAR de Mafra, o desafio da empresa consiste em assegurar a reutilização
da água residual tratada para a rega de parque de desportos de modo a
aproveitar a água residual que é desperdiçada para o meio hídrico, garantir a
qualidade da água tratada e eliminar o uso de água potável.

Energias Renováveis - Smart Grids

No campo das Energias Renováveis, a Siemens Energy está posicionada para
responder aos desafios da redução das emissões de carbono através de um
portefólio completo e integrado ao nível das smart grids.

A gestão de cargas, permitindo ajustar o consumo à geração e às necessidades
da rede de distribuição, em tempo real; a gestão distribuída e as microredes,
bem como o smart metering, que garante a transparência e informação em
tempo real sobre os consumos de energia, tanto aos consumidores como para às
utilities; e electromobilidade, através da integração da rede de carregamento na
rede eléctrica de forma fiável e segura, através da coordenação entre entidades
gestoras das redes, são alguma das aplicações desenvolvidas pela Siemens para
as Smart Grids.

Do ponto de vista da energia, Luís Marçal, responsável por esta área na Siemens,
defende que a expansão das redes eléctricas; o aumento dos consumidores que
exigem fornecimento sustentável de energia e a democratização da
electromobilidade, com a necessidade de ligação à rede de milhões de veículos
eléctricos, poderá levar a uma aceleração nas mudanças em matéria energética.
Acompanhando esta realidade, a Siemens é parceira tecnológica do Programa
Mobi.e, tendo já desenvolvido um portefólio de sistemas de carregamento para
os veículos eléctricos.

Remodelação eficiente na Iluminação Pública

Na área da iluminação pública, a Siemens, através da subsidiária OSRAM,
oferece soluções tecnologicamente avançadas capazes de ajudar as instituições
públicas a reduzirem os seus gastos energéticos e cumprir os objectivos da
União Europeia para a protecção climática.


João Delgado 

 joao.delgado@siemens.com