Tools

Siemens PortugalSiemens Portugal

Siemens ajuda a pôr fim às filas de trânsito

terça-feira, 12 de janeiro de 2016


  • A cidade de Newcastle, na Inglaterra, já está a testar a tecnologia que permite comunicação entre os veículos e os semáforos

A Siemens e os seus parceiros estão a investigar métodos de troca de informações entre automobilistas e sinais de trânsito, a fim de tornar o tráfego mais seguro e mais eficiente, no âmbito de um projeto europeu Compass4D.

A 'Communicating Cars Initiative’, que uniu a Siemens à Universidade de Newcastle e à Câmara Municipal local, tem como objetivo demonstrar os benefícios práticos de sistemas de transporte inteligentes (ITS) e a conveniência da sua utilização no dia-a-dia nas estradas da Europa.

Para concretizar o projeto foram equipados, com unidades de comunicação, 12 ambulâncias, dois carros elétricos da Universidade de Newcastle e 20 semáforos localizados ao longo das duas artérias principais de tráfego daquela cidade inglesa.

Através destas unidades de bordo, os veículos enviam aproximadamente 10 vezes por segundo mensagens de estado para as 'roadside units', as quais estão integradas nos semáforos.

Estas unidades transmitem a informação recebida para o centro de controlo de tráfego. A comunicação é feita através de uma WLAN padrão, especificamente desenvolvida para sistemas de tráfego inteligentes.

Os condutores dispõem de uma aplicação para visualizar a informação do centro do controlo num tablet. Assim, podem acompanhar a contagem decrescente até à próxima mudança de sinal e receber recomendações de como melhor adaptar o seu modo de condução às atuais condições de trânsito. Quando o veículo de teste estiver a 200 metros do semáforo, o sinal muda para verde sempre que possível.

O objectivo é que a integração de informação com recurso à tecnologia permita tornar o trânsito, nos eixos rodoviários, mais seguro, mais fluído e energeticamente mais eficiente, reduzindo ao mesmo tempo as emissões de CO2.

No projeto de Newcastle, a Siemens é sobretudo responsável pelas unidades roadside e pela troca de dados entre os veículos e o centro de controlo de tráfego. Isto inclui a integração das unidades roadside com a aplicação, com a unidade de bordo e o software do controlo de tráfego.

As unidades roadside utilizam sistemas de comunicação de dados da família Scalance, ou seja, sistemas originalmente concebidos para comunicar em ambientes industriais. Nos últimos anos, os investigadores do departamento de Corporate Technology da Siemens têm vindo a adaptar estas unidades para serem utilizadas em sistemas de tráfego inteligentes, tendo desenvolvido software específico para este fim. Desde então, os sistemas Scalance têm sido implementados em diversos ambientes de testes.

O levantamento de dados relativos ao fluxo de tráfego e às emissões de escape, iniciativa liderada pela Universidade de Newcastle em parceria com a Siemens e a Câmara Municipal, continuará até ao fim de 2015, no âmbito do Compass4D, projecto europeu que arrancou em 2013.


Projeto Compass4D

Os testes realizados em Newcastle fazem parte do projeto Compass4D da União Europeia. O objetivo deste projeto é avaliar diferentes sistemas de tráfego inteligentes e cooperativos, instalados em sete cidades europeias. Desde há muito, a Siemens, um dos parceiros do projeto Compas4D, tem vindo a desenvolver soluções de hardware e software para sistemas de tráfego inteligentes cooperativos, tanto através do Corporate Technology, que é o departamento de investigação da empresa, como pela Divisão Mobility. A Siemens também tem participado em várias séries de teste em todo a Europa.


Rita Silva  

 ritras.silva@siemens.com