Tools

Siemens PortugalSiemens Portugal

Site ExplorerSite Explorer
Close site explorer

Siemens inaugura mais um sistema de metro automático e sem condutor


segunda-feira, 9 de julho de 2007

• Obra incluiu 56 novos veículos e a construção de 15 quilómetros de linha • Sistema automático permite um ajustamento rápido e flexível do número de comboios em funcionamento de acordo com a procura

Uma segunda linha de metro totalmente automática e sem condutor foi oficialmente inaugurada para serviço comercial em Toulouse, no sul de França, no passado dia 30 de Junho. Coube à Siemens Transportation Systems (TS) conceber e fabricar o novo sistema, juntamente com mais 56 novos veículos. A construção dos 15 quilómetros da Linha B, incluindo 20 paragens, foi adjudicada à TS em 2001.

Toulouse, a quarta maior cidade da França, e um dos centros europeus da indústria aeronáutica, instalou esta nova linha de modo a expandir a sua infra-estrutura de serviços de transporte rápidos, eficientes e amigos do ambiente. Isto significará também, uma melhoria da qualidade das ligações entre as secções norte e sul da cidade e o centro. A nova linha de metro será usada diariamente por cerca de 150.000 passageiros.

A Siemens construiu a segunda linha de metro sem condutor em Toulouse no contexto de um projecto chave-na-mão. O contrato teve um valor de 232 milhões de euros. O fornecimento da Siemens incluiu, entre outros, a gestão do projecto, a tecnologia VAL, 56 comboios de duas carruagens VAL (21 dos quais serão usados na já existente Linha A), o sistema de alimentação, as portas das plataformas automáticas e um gabinete de estação. A nova Linha B é controlada a partir do centro de controlo das operações da Linha A.

O sistema VAL totalmente automático permite um ajustamento rápido e flexível do número de comboios em funcionamento de acordo com o fluxo de passageiros. Se necessário, o headway (tempo de espera entre dois comboios) em Toulouse pode ser encurtado até 60 segundos. Isto, não só reduz o tempo de espera dos passageiros, como também torna o sistema de transportes colectivos significativamente mais apelativo do que o transporte individual. Neste sentido, espera-se que o sistema VAL contribua para reduzir os gases de efeito de estufa em Toulouse. Quando comparadas com as dos transportes colectivos, as emissões de CO2 produzidas por um automóvel, por lugar e por quilómetro, são cerca de três vezes maiores que as emissões de um eléctrico ou de um metro.

A Linha de Metro A, com os seus 12,5 Kms de carris e 18 paragens, foi, também ela, construída pela Siemens e inaugurada em 1993. Faz a ligação entre a parte norte e a parte sul de Toulouse e é usada todos os dias por cerca de 170.000 passageiros.

O sistema de transporte VAL já é usado há anos em aeroportos como o de Orly (Paris) e O'Hare (Chicago). Além disso, outros sistemas VAL estão em uso ou em construção em Lille e Rennes (França), Turim (Itália), Taipei (Formosa) e Uijeongbu (Coreia do Sul). No aeroporto de Charles-de-Gaule, em Paris, um sistema interno VAL de ligação dos terminais do aeroporto foi inaugurado em Abril deste ano. Em Turim, uma extensão de percurso com cinco paragens vai iniciar operações comerciais, este Outono.

Para mais informações contactar: Salomé Faria, Marketing Manager e-mail: salome.faria@siemens.com Telemóvel - 962506498

O Grupo Operacional Transportation Systems (TS) da Siemens AG é um dos principais fornecedores internacionais da indústria ferroviária. Na qualidade de único fornecedor de origem e integrador de sistemas, o grupo combina nos seus segmentos de negócio de Automação & Potência, Material Circulante, Sistemas Chave-na-Mão e Serviços Integrados todo o conhecimento necessário para abranger todo o espectro desde os sistemas de sinalização e controlo aos fornecimentos de potência de tracção, bem como ao material circulante para transportes públicos, serviço regional e de via principal. Uma experiência abrangente em gestão de projectos e conceitos de serviços orientados para o futuro complementam a nossa carteira de serviços. Para mais informações sobre o OG TS, consulte o site www.siemens.com/ts .