A Siemens tem actividade em Moçambique desde os anos cinquenta estando envolvida em projectos de grande importância para o País, nas áreas da energia, indústria, mobilidade, infraestruturas e saúde, de que são exemplo a Central Hidroélectrica de Cahora Bassa ou o projecto do Corredor de Nacala, entre muitos outros. A Empresa tem investido na sua presença em Moçambique contribuindo directamente no desenvolvimento tecnológico, social e económico do País.